Projeto de Cobalchini prorroga contratos de ACTs das Apaes

Share Button

O deputado estadual Valdir Cobalchini (MDB) protocola nesta quinta-feira um projeto de lei prorrogando os contratos de todos os professores contratados em caráter temporário (ACTs) pela Fundação Catarinense de Educação Especial que atuam nas Apaes.

O grupo gestor do Governo do Estado decidiu suspender o edital de contratação dos ACTs para o próximo ano o que está causando um grande problema para as Apaes que dependem desses profissionais para oferecer o atendimento. Atualmente são 2.805 professores ACTs nas Apaes, com um custo mensal de R$ 7,6 milhões.

“Entendo que com esse projeto, aprovado pela Assembleia,  o Governo do Estado acaba com esse impasse. As Apaes desenvolvem um trabalho muito importante em todo o Estado no atendimento às pessoas portadoras de necessidades especiais e esses professores são fundamentais para esse atendimento. Prorrogando o contrato dos atuais ACTs a situação está resolvida”, justifica o deputado Cobalchini.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *